Vítor Noé

 

A celebração do Dia do Trabalho na data da 1º de maio tem como origem histórica a manifestação dos trabalhadores em Chicago (EUA) em 1886, na qual se reivindicava a redução da jornada laborativa para 08 (oito) horas diárias, sendo considerada a referida data, pela Internacional Socialista, em 1889, como sendo àquela designada para reafirmação da reivindicação pela classe trabalhadora da fixação da jornada de trabalho no limite ora mencionado, passando, posteriormente, a ser considerada como sendo o dia internacional de reivindicação de condições laborais.

O “IV Encontro dos Advogados Trabalhistas do Sudeste: O Brasil e as re- formas”, promovido pela Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas (ABRAT) e a OAB/MG, com apoio das AMAT – Associação Mineira dos Advogados Trabalhistas, AATSP – Associação dos Advogados Trabalhistas de São Paulo, ACAT – Associação Carioca dos Advogados Trabalhistas, AFAT – Associação Fluminense de Advoga- dos Trabalhistas, AESAT – Associação Espírito-santense dos Advogados Trabalhistas, foi um sucesso retumbante, tanto de público (400 inscritos), como de crítica.

Mais Artigos...

Pagina 1 de 2